Prof. Dr. Osmar Castro

Especialista, Mestre e Doutor em Prótese Dentária USP

Prof.Dr. Osmar Castro é Professor do Curso de Mestrado em Prótese Dentária da São Leopoldo Mandic e autor de dois livros de Prótese Dentária. Formado há 30 anos tem consultório particular em Moema -São Paulo. (11) 55311032

Clareamento dentário

Clareamento dentário

Clareamento dentário é um procedimento que pode ser feito no consultório dentário, ou através de moldeiras personalizadas, conhecido como clareamento caseiro. O paciente deve estar sempre supervisionado pelo dentista pois este deve controlar a sensibilidade dentária, concentrações do produto e os tons alcançados pelo clareamento. Nessa foto apenas foi realizado em nosso consultório dentário em Moema duas sessões de 35 minutos cada uma. O clareamento feito no consultório é indicado quando o paciente tem retrações gengivais que poderiam levar a sensibilidade do dente quando em contato com o produto clareador. No consultório é feito uma barreira plástica que impede que invada essas regiões. Outra indicação do clareamento feito no consultório seria um resultado mais rápido já que a concentração do produto é maior (de 35 a 38%) em relação aos caseiros (em torno de 10%). Alguns casos necessitam que após o do consultório se complemente também com o caseiro para resultados mais duradouros. Todo caso deve ser bem avaliado, pois após o clareamento o dentista deve lembrar ao paciente que suas restaurações estéticas em resina deverão ser trocadas pois após o clareamento elas ficaram evidentes já que foram feitas para simularem a cor anterior mais escura. Essas restaurações dentárias deverão ser feitas após pelo menos duas semanas após o término do tratamento clareador, já que o dente ainda libera oxigênio e poderá levar a restauração a soltar por ineficiência do sistema adesivo durante essas primeiras semanas. Caso realizado pelo Prof.Dr. Osmar Castro (dentista em Moema). www.odontologiacastro.com.brClareamento dentário

Clareamento dentário

Clareamento dentário

Clareamento dentário

Clareamento dentário

Clareamento dentário: Podemos realizar clareamento dentário só em alguns dentes? Sim, nesse caso estamos realizando o clareamento somente em 4 dentes (gel nas áreas vermelhas), os outros dois receberão dentes em porcelana. Assim, com esse clareamento os dentes de porcelana terão cores mais claras acompanhando os dentes naturais clareados. O mais comum é fazer clareamento nos dentes até os pré-molares que são os dentes mais visíveis. Atualmente não se utiliza-se nenhum tipo de luz durante o clareamento pois pesquisas detectaram necessidade de tratamento de canal provocado pelo aquecimento gerado pela luz durante o clareamento. Por isso utiliza-se um gel com grande concentração para se obter um clareamento sem prejuízo a vitalidade pulpar.

www.odontologiacastro.com.br

Clareamento Dentário: estética

clareamento dentário: estética

clareamento dentário: estética

Clareamento dentário: estética

Clareamento dentário: estética. Hoje o clareamento dos dentes é uma realidade. mas é preciso sempre ser feito sob supervisão de um dentista para controle da sensibilidade e indicação da concentração do produto clareador. Esse caso foi realizado em nossa clínica em Moema e o resultado foi excelente. Após 20 dias do clareamento dentário vamos realizar a troca das restaurações em resina por resinas mais claras no tom da cor do dente para um resultado estético perfeito.

Clareamento dos dentes: Facetas de porcelana: se os dentes tiverem uma coloração muito escura após o clareamento  são coladas as facetas de porcelana para melhorar a cor e a forma dentária.

www.odontologiacastro.com.br

Dentes clareados

Um desafio para o especialista em prótese dentária é o clareamento dos dentes  em harmonia com a pele, olhos e cabelo do paciente. O clareamento pode ser químico, através de agentes clareadores, ou protéticos através de dentes de porcelana ou resina  em coroas ou facetas. Neste caso foi feita uma prótese conjugada com dentes de resina e porcelana. Além do clareamento dos dentes,  dentes mais largos foram propostos, o que permitiu uma melhor reflexão da luz dando ao sorriso um aspecto mais jovial. O sorriso invertido anti-estético foi corrigido através de bordas incisais mais longas. A linha mediana foi centralizada resultando em uma visibilidade mais proporcional dos dentes posteriores. A estética dentária é um desafio que através de um planejamento profundo resulta em satisfação do paciente e um rejuvenescimento do seu sorriso.

Traumatismo dentário e mudança da cor do dente

Um dente traumatizado pode ter mudança de sua cor devido a obstrução pulpar fisiológica em dentes vivos ou por excesso de cimento ou a desidratação dos túbulos dentinários como em dentes desvitalizados (tratamento de canal feito). O tratamento pode ser feito com clareamento intrínsico (dentro do dente) para casos de dentes com o canal feito. Para o caso de dentes com vitalidade (sem tratamento de canal), o tratamento pode ser clareamento extrínsico (no consultório ou caseiro sob supervisão), facetas diretas em resina ou facetas indiretas em porcelana. O ideal, principalmente se tratando de pacientes jovens, é que se adie ao máximo tratamentos mais invasivos como as facetas indiretas, e primeiro se tente tratamentos menos invasivos como clareamento e tratamentos químicos através das resinas diretas.

Clareamento Dentário

O clareamento dentário deve ser feito sempre com acompanhamento de um dentista. Este deve analisar cada caso com critério. Retrações gengivais devem ser protegidas para evitar sensibilidade pós operatória. Nessa foto o paciente apresentava muitas retrações e foi indicado apenas o clareamento feito no consultório com o uso de uma barreira (em azul escuro) para que o gel clareador  não atingisse essas regiões. Atualmente o uso de laser para clarear os dentes tem sido questionado em pesquisas por produzir calor e levar a maior sensibilidade pós-clareamento.